Celulares

10 opções de smartphones Alcatel para não errar na escolha!

Na hora de comprar um novo aparelho celular, é importante pesquisar para fazer a melhor escolha. Entre tantas opções do mercado, é comum ter dúvidas se smartphone Alcatel é bom.

A marca tem origem francesa e foi criada em 2004. No ano seguinte, foi parcialmente adquirida pela chinesa TCL. Em 2016, passou a ser subsidiária da Nokia, que sempre teve tradição na fabricação de celulares. Desde a sua criação, busca fabricar aparelhos de qualidade, sem que deixem de ser acessíveis.

Mas, afinal, será que um smartphone Alcatel é bom? Desvende os prós e contras de 10 modelos da marca e tire as suas dúvidas!

1. TCL L9

smartphone-alcatel-e-bom-TCL-L9
TCL L9

Para quem busca uma alternativa de entrada, o modelo TCL L9 é uma excelente opção. Na dúvida se esse smartphone da Alcatel é bom, é preciso conhecer as suas características.

Na parte técnica, apresenta processador de 1,5 GHz de quatro núcleos, 1 GB de memória RAM e 16 GB de armazenamento interno. Se quiser, é possível aumentar a capacidade para 32 GB com o auxílio de um cartão de memória.

A tela é de LCD, tem 5,34 polegadas e tem uma resolução de 480 x 960 px. A câmera tem estabilidade digital, com 13 MP de resolução na traseira e 8MP na frontal. Ainda conta com acelerômetro, sensor de impressão digital, GPS e conectividade via WiFi. A bateria tem 2460 mAh.

Os pontos positivos

O valor desse modelo é, certamente, uma de suas maiores qualidades. O valor é muito em conta, especialmente para um smartphone com Android 8.1, uma das versões mais modernas, até o momento. Com uma boa oferta, é possível aproveitar esse modelo de entrada.

Ele também é fino e leve, com apenas 130 gramas. O amplo armazenamento interno permite ter diversos arquivos e apps. A resolução das duas câmeras é outro elemento de destaque, o que o torna diferenciado em relação aos demais.

Os pontos negativos

Na hora de saber se esse smartphone Alcatel é bom, é preciso considerar os aspectos negativos. A tela não é das maiores e a resolução não é tão nítida ou intensa quanto a de outros modelos.

Ele tem limitações, especialmente para aplicativos mais pesados, que podem não funcionar corretamente. Além disso, não realiza gravação de vídeo — e isso deve ser avaliado.

2. Pixi 4

smartphone-alcatel-e-bom-Pixi-4
Pixi 4

O Pixi 4, na versão com tela de 4 polegadas, é outra alternativa para quem deseja entrar no mundo dos smartphones. Ele vem com Android 6.0, processador de 1,3 GHz, RAM de 1 GB e capacidade interna de 8 GB. O valor pode ser ampliado para 32 GB, com ajuda de um Micro SD.

A câmera traseira tem 8 MP de resolução e a frontal, 5 MP. Na gravação de vídeo, oferece a opção de flash LED.

Entre os sensores, tem apenas acelerômetro e, nas funções, só conta com rádio. A bateria tem capacidade máxima de 1500 mAh.

Os pontos positivos

Quem quiser economizar vai achar que esse smartphone da Alcatel é bom, por causa do custo benefício. Ele traz funções básicas e úteis ao cotidiano, então garante um resultado satisfatório.

Com apenas 110 gramas e 9,7 milímetros de espessura, é leve e fácil de manusear. Além disso, as câmeras oferecem boa performance — especialmente, a traseira.

Os pontos negativos

No entanto, ele também tem alguns aspectos negativos. Por ter sido lançado em 2016, está relativamente defasado. Seu desempenho não suporta aplicativos muito pesados ou a multitarefa com várias atividades.

Outro problema é que a bateria não tem tanta capacidade, o que pode levar o aparelho a descarregar ao longo do dia. Ele promete 480 minutos de autonomia em conversação, mas pode não ser o suficiente para certos cotidianos.

3. 1 5033J

1 5033J

Na dúvida se o Smartphone Alcatel é bom, não dá para deixar de fora a versão 1 5033J. Mais uma opção simples, garante boa adaptação ao cotidiano.

Na parte técnica, apresenta processador de 1,3 GHz, memória RAM de 1 GB e armazenamento interno de 8 GB (expansível até 32 GB). A tela tem 5 polegadas e resolução de 480 x 960 px.

A câmera traseira oferece 8 MP de resolução e a frontal, 5 MP. A primeira grava em Full HD e a segunda, em HD.

Ele tem acelerômetro, sensor de proximidade e microfone com redução de ruído. Na bateria, há uma capacidade de 2000 mAh.

Os pontos positivos

Com um valor que pode ficar abaixo dos R$ 300, é uma alternativa interessante e cômoda para o cotidiano. O desempenho intermediário também dá a ele uma classificação relativamente positiva, já que vem com Android 8.1.

O ponto alto é mesmo a parte multimídia. As câmeras dão origem a boas fotos e, como poucas no mercado, vídeos em altíssima qualidade.

Já o fato de aceitar dois chips garante uma comodidade extra para o cotidiano, o que o torna especialmente atraente.

Os pontos negativos

A tela é um aspecto fraco, pois a densidade de pixels é de apenas 214 ppi, o que a torna menos nítida. A bateria também não tem a maior capacidade do mercado e, dependendo do uso, pode não ter a autonomia esperada.

Na câmera, a falta de autofoco exige um pouco mais de atenção na hora de capturar um momento.

4. Pop 4

smartphone-alcatel-e-bom-Pop-4
Pop 4

Lançado em 2016, o Pop 4 merece entrar no seu radar quando você se pergunta se smartphone Alcatel é bom. É uma opção com processador de 1,1 GHz, RAM de 1,5 GB e memória interna de 8 GB (expansível até 32 GB).

A tela de 5 polegadas tem resolução HD e é de LCD. Já a câmera traseira tem 13 MP e a frontal, 8 MP. Em ambas, a gravação é Full HD.

É no estilo Dual Sim (aceita dois chips) e apresenta uma capacidade de 2500 mAh na bateria.

Os pontos positivos

Apesar de já ser um modelo quase intermediário, ainda é mais barato que diversas opções de outras marcas. Com um bom custo benefício, atende a necessidades básicas.

A resolução da tela é HD, o que garante uma melhor experiência ao usar o aparelho. Além disso, a qualidade de filmagem e fotografia se destacam entre os semelhantes.

Os pontos negativos

Apesar do nível extra de RAM, o processador não é tão potente. Como resultado, o desempenho pode sofrer com alguns travamentos durante o uso — especialmente, de aplicativos mais pesados.

Além disso, o sistema operacional de saída é o Android 6.0, que é relativamente desatualizado. Em algum tempo, isso pode se tornar um problema e comprometer o uso.

5. Idol 4

smartphone-alcatel-e-bom-Idol-4
Idol 4

Ao pensar se smartphone Alcatel é bom, o Idol 4 serve para mudar todos os conceitos. Lançado no mercado em 2016, tem um excelente custo benefício para quem busca boa experiência.

A tela tem 5,2 polegadas e a resolução é Full HD. Conta com dois processadores, sendo um de 1,5 GHz e o outro, de 1,2 GHz. Além disso, tem 3 GB de RAM e 16 GB de armazenamento interno, com possibilidade de expandir até 200 GB.

A câmera traseira tem 13 MP e a frontal, 8 MP. Ambas filmam em Full HD. Ainda apresenta uma bateria de 2610 mAh e autonomia de 900 minutos em conversação.

Os pontos positivos

Um dos mais robustos desse patamar, o Idol 4 é uma escolha completa, com bom desempenho mesmo para os exigentes.

A alta qualidade da tela cria uma ótima experiência, inclusive na hora de tirar fotos. O aparelho ainda tem diversos sensores, o que potencializa o seu uso.

Os pontos negativos

Como o Idol 4 é um dos principais que vêm à mente ao pensar se smartphone Alcatel é bom, essa é uma opção quase sem pontos negativos. O maior problema está na câmera, que, apesar da resolução, não tem possibilidades avançadas (como o modo retrato).

Ele também não é Dual Sim e é relativamente antigo, pois foi lançado ainda com o Android 6.0.

6. A5 LED

A5 LED

Depois de chegar ao mercado no final de 2017, o A5 LED se posiciona como uma boa alternativa da marca.

Conta com um processador octa-core de 1,5 GHz, RAM de 2 GB e memória interna de 16 GB (expansível até 32 GB). A tela tem 5,2 polegadas e resolução HD.

Já a câmera traseira tem 16 MP e a frontal, 8 MP. A estabilização é digital, o flash é LED e a gravação é de qualidade. Entre os sensores, só não tem giroscópio e a bateria tem capacidade de 2800 mAh.

Os pontos positivos

Por causa das características técnicas, o desempenho é satisfatório para a maioria dos usuários. Mesmo apps pesados funcionam, o que pode ser interessante.

A qualidade da tela e das fotos também se destacam, bem como suas dimensões finas. Um dos seus diferenciais é a capa traseira de LED, que dá um visual extra.

Os pontos negativos

Uma reclamação comum entre os usuários é o fato de o aparelho aquecer bastante com o uso, o que poderia prejudicar a bateria. Para não ter que lidar com o problema, é preciso moderar a utilização.

Embora tenha sido lançado quase em 2018, ainda vem com o Android 6.0, o que é um inconveniente para quem busca um sistema operacional atualizado. Então, é necessário pensar nisso antes de dizer se esse smartphone Alcatel é bom.

7. TCL C5

smartphone-alcatel-e-bom-TCL-C5
TCL C5

De atuação intermediária, o TLC C5 está de acordo com as novidades do mercado. O processador quádruplo tem 1,5 GHz e a memória RAM, 2 GB. O armazenamento interno é de 32 GB e pode ir até 128 GB.

A tela com 5,5 polegadas tem resolução de 720 x 1440 px e boa densidade. Na parte multimídia, a câmera traseira é de 13 MP e a frontal, de 8 MP. Sua bateria é de 3000 mAh, mas a autonomia em uso é de 360 minutos.

Os pontos positivos

Como é uma opção intermediária, o valor cobrado por ele não é tão elevado, na comparação com outros. Lançado em 2018, vem com Android 8.0 de fábrica.

O desempenho, embora não seja o melhor do mercado, atende ao usuário comum. Além do mais, é Dual Sim e oferece boas fotos.

Os pontos negativos

Apesar da capacidade maior, a bateria do modelo não dura tanto tempo. Sem ajustes, ela pode não aguentar o dia sem uma recarga.

Também é preciso considerar, antes de decidir que esse smartphone Alcatel é bom, que a gravação não é Full HD e que alguns aplicativos pesados podem não ter a experiência desejada.

8. A3 XL

smartphone-alcatel-e-bom-A3-XL
A3 XL

O A3 XL é um modelo mediano, adequado para quem tem necessidades intermediárias. O processador é de 1,1 GHz, com RAM de 2 GB e armazenamento interno de 16 GB (expansível até 32 GB).

A tela é de 6 polegadas e tem resolução de 720 x 1280 px. Na câmera, a traseira tem 8 MP e a frontal, 5 MP. Ele tem leitor acelerômetro e giroscópio e a bateria é de 3000 mAh.

Os pontos positivos

Para quem procura uma tela grande, ele é a opção ideal, já que une tamanho e qualidade. Também conta com função Dual Sim, fotos com ótimas resoluções e gravação Full HD.

Ainda oferece detecção de face, diversos tipos de conexão e um preço não muito elevado, para os padrões de mercado.

Os pontos negativos

Se quiser saber se esse smartphone Alcatel é bom, vale entender que o desempenho é um tanto decepcionante. Após algum tempo de utilização, pode apresentar problemas de travamento.

A bateria prejudica a performance. Com apenas 4 horas de autonomia em uso, exige recargas frequentes de quem não sai do celular.

9. A2 XL

smartphone-alcatel-e-bom-A2-XL
A2 XL

Apesar de ter qualidades básicas, o A2 XL se destaca pelo visual. Esse smartphone Alcatel é bom ao analisar diversas características.

O processador de oito núcleos tem 1,3 GHz, a memória RAM é de 1 GB e a memória interna é de 16 GB (expansível até 32 GB).

A tela tem 6 polegadas e resolução HD. Na hora de tirar fotos, a câmera traseira tem 13 MP e a frontal, 8 MP. Já a bateria tem 2580 mAh.

Os pontos positivos

O design é o principal destaque desse modelo. Ele parece ser muito mais caro do que é, o que é ótimo para quem busca uma opção bonita e em conta.

O desempenho é relativamente rápido e atende às necessidades do cotidiano, com uma tela de excelente qualidade. As fotos também não deixam a desejar e garantem bastante interação.

Os pontos negativos

No entanto, ao tentar definir se esse smartphone Alcatel é bom, é preciso entender que o sistema operacional é um tanto antigo, pois se trata do Android 5.1.

Além disso, não oferece uma capacidade tão elevada ao falar de performance e pode terminar esquentando mais que o desejado.

10. A7 XL

smartphone-alcatel-e-bom-A7-XL
A7 XL

Considerado a opção top de linha da marca, o A7 não deixa dúvidas se smartphone Alcatel é bom. Esse modelo apresenta um processador de 1,5 GHz e um de 1 GHz. Também tem memória RAM de 4 GB e armazenamento interno de 32 GB, que pode atingir 128 GB.

A tela de 5,5 polegadas é Full HD e com tecnologia LCD. Já a câmera traseira tem 16 MP e a frontal, 8 MP. Na bateria, a capacidade é de 4000 mAh.

Os pontos positivos

Repleto de benefícios, esse é um modelo que conta com um desempenho satisfatório e uma tela de altíssima qualidade.

Também faz boas fotos, filma em HD e Full HD e tem sensor de impressão digital. Potente, a bateria dura bastante.

Os pontos negativos

O único aspecto realmente negativo do aparelho é que ele vem com o Android 7.0. Para quem busca opções atualizadas, não é a melhor alternativa.

Além disso, ele pode apresentar problemas em games de alta renderização, embora tenha boa capacidade.

Esses 10 modelos trazem pontos positivos e negativos em diferentes níveis. Para definir se smartphone Alcatel é bom, entretanto, é preciso saber qual é a sua necessidade. Ao identificar suas expectativas, é possível escolher a alternativa que vai entregar o desempenho adequado.

Achou a análise interessante? Compartilhe esse post nas suas redes sociais e marque os amigos que querem trocar de celular!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *